3 pontos em todo projeto de Gestão de Serviços que deveriam ser leis

  1. Definir o processo é mais importante do que a ferramenta
  2. O projeto precisa de pessoas chaves em todos setores que atenderão ou serão atendidos
  3. Comece pelo catálogo de serviços

Por Arthur Schaefer

Arthur Ramos Schaefer é MBA em Gerenciamento de Projetos e Tecnólogo em Redes de Computadores. Atua também como instrutor e professor de Redes de computadores e idiomas. Trabalha com Consultoria em Service Desk, produtividade e GLPI.

2 comentários

  1. Olá Schaefer, sou gilberto que trabalho na area de informatica e atendo alguns cliente e uso a plataforma do glpi, gostaria desaber se poderia nos dar um luz, pois estamos enfrentando um problema nos fechamentos dos chamados, bom, ao fechar um chamado por ex. aberto as 13:10 e fechado as 14:10 ele mostra certinho o dia e a hora porem não computa certo a 01 hr do atendimento.
    gostaria de saber se ja passasse por isso ou derrepente nos consegue da uma força pra solucionar esse problema, já quando retiramos o relatório ficamos corrigindo alguns chamados já que isso não acontecce em todos.

    1. Opa!
      Como estão os calendários entre esses chamados?
      Pode ser que um esteja pegando 24×7, outro horário padrão e que estejam correndo em horário não considerado de trabalho.
      Precisaria de mais informações para apoiar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.