A infância ainda não acabou

“Foi sem querer, querendo”

Ouço uma criança de aparentes 10 anos andando de bicicleta com a mãe, sua irmãzinha mais nova na garupa e pai.

Roberto Bolaños e sua turma jamais morrerão.

A infância não está perdida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *